DAQUI, o Jornal do Distrito Federal

quinta-feira, 8 de maio de 2014

Concursos de desenho e frases reforçam combate à dengue em Planaltina

Atividades voltadas aos estudantes pretende envolver e sensibilizar toda a comunidade escolar

O combate à dengue em Planaltina ganhou reforço com o envolvimento da comunidade escolar em torno do projeto "Escola Contra a Dengue". A iniciativa, que conta com o apoio de estudantes dos ensinos Fundamental e Médio da rede pública e particular da cidade, promoverá concursos de desenho e frases de efeito, conteúdo que será utilizado em campanhas de conscientização.

O projeto para os alunos de Ensino Fundamental será voltado ao desenvolvimento de um desenho que se tornará a logomarca do material educativo a ser elaborado e distribuído pelo Grupo Executivo Intersetorial de Gestão de Prevenção e Controle da Dengue de Planaltina (Geiplandengue).

Os alunos do Ensino Médio, por sua vez, participarão da iniciativa ao produzir frase de efeito que, após seleção, será utilizada como slogan da campanha. Tanto a frase quanto o desenho devem corresponder à temática "Todos Contra a Dengue" e fazer alusão ao mosquito transmissor da doença.

As inscrições para ambas as modalidades de participação podem ser feitas até o próximo sábado, na secretaria da escola em que o candidato estuda. A entrega dos desenhos e da frase, no entanto, obedece um calendário à parte e pode ser feita até o dia 16 de maio.

Após esse prazo, a comissão julgadora do Geiplandengue passará a analisar o material recebido e, no dia 27 de maio, divulgará os nomes dos vencedores. Como premiação, os alunos selecionados receberão um tablet e terão suas produções veiculadas, com crédito, em Planaltina.

SAIBA MAIS - O grupo Geiplandengue, composto por representantes de diversos setores da sociedade e órgãos do governo, trabalha com articulações comunitárias e governamentais para traçar estratégias no intuito de controlar os focos do mosquito Aedes aegypti na cidade.

Desde janeiro, o grupo planeja e desenvolve ações de manejo ambiental para o controle vetorial do mosquito por meio de divulgação e coleta de resíduos sólidos domiciliares nos bairros mais atingidos pela dengue.

O primeiro manejo em Planaltina ocorreu no Setor Tradicional. Em seguida, ele foi realizado em Buritis II e III, e em abril na Vila Buritis (quadra 1 a 6).

Apenas nos dois primeiros manejos, mais de mil toneladas de resíduos sólidos foram retiradas de mais de dez mil residências. A próxima ação será no Arapoanga entre os dias 16 a 23 de maio. A previsão é que, nessa localidade, 5 mil casas sejam visitadas.

(F.M./M.D.*)

Nenhum comentário:

Postar um comentário