DAQUI, o Jornal do Distrito Federal

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Saúde Para Todos COPA vacina funcionários do aeroporto


Imunização é a primeira medida do programa criado pelo GDF. O objetivo é prevenir e controlar a transmissão de doenças às pessoas que vão trabalhar nas copas das Confederações e do Mundo
Os funcionários do Aeroporto Internacional de Brasília são os primeiros beneficiados pelo Saúde para Todos COPA, programa que dá início às medidas de atendimento às pessoas que atuarão junto a turistas durante as copas das Confederações, em junho de 2013, e do Mundo, em junho de 2014. Neste domingo (27), a Secretaria de Saúde (SES) montou um posto da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa), no local, para aplicação da tríplice viral, contra sarampo, rubéola e febre amarela, desde as 9h.  
O objetivo do Saúde Para Todos COPA, lançado na sexta-feira (25), é reforçar medidas de saúde e dar tranquilidade sanitária às pessoas que estarão presentes às copas das Confederações e do Mundo. A intenção é imunizar os 15 mil trabalhadores do aeroporto em uma semana. Para tanto, recomenda-se que todos levem o cartão de vacinação.           
Neste primeiro dia, a SES pretende atender 2 mil pessoas até as 18h. "Como a demanda é espontânea, nós pedimos para aqueles que não se vacinarem nesse período, que procurem o posto de saúde mais próximo", aconselha a subsecretária de Vigilância em Saúde da SES, Marília Coelho Cunha.        
A diretora de Vigilância Epidemiológica, Sônia Geraldes, explica a urgência da prevenção. "O objetivo é evitar a introdução de doenças já controladas no Brasil, como o sarampo, por exemplo. Não queremos criar um colapso na área de Saúde, causado por enfermidades já contidas no país", acrescenta.    
Público Alvo – Motorista de uma companhia aérea, José Carlos Avelino, 31 anos, foi pego de surpresa. "Eu não sabia da campanha, mas acho muito importante manter a saúde", ressalta. Eunilson Souza, 30 anos, motorista, parabeniza o trabalho de prevenção do governo. "Mostra cuidado com os funcionários e turistas", avalia.      
Taxistas do DF e trabalhadores da Feira dos Importados e da Torre de TV serão os próximos atendidos pela vacinação, que se estenderá a funcionários de portos e rodoviárias, rede hoteleira, bares, restaurantes, segurança pública, imprensa, voluntários e profissionais de saúde. A expectativa da Secretaria de Saúde é que todo o público alvo seja imunizado até a Copa das Confederações, em junho deste ano. "É importante que toda a linha de frente de serviços seja vacinada o quanto antes", completa Sônia Geraldes.     
Precaução – Atualmente, as doses contra sarampo, rubéola e febre amarela estão disponíveis na rede pública de Saúde, e grande parte da população brasileira já foi imunizada. Apesar de estarem sob controle no Brasil, essas enfermidades, contudo, não foram contidas em muitos países. Dessa forma, pessoas não vacinadas correm o risco de contraí-las e reintroduzi-las aqui ao entrarem em contato com indivíduos de países onde as doenças ainda estejam em circulação.      
Quatro eixos – A etapa inicial do programa Saúde Para Todos COPA é dividida em quatro eixos: vacinação, certificação, cartilhas com orientação aos turistas e demais ações de promoção e prevenção.           
O objetivo da certificação é qualificar estabelecimentos comerciais quanto às condições adequadas de segurança sanitária. A rede hoteleira também será avaliada tanto na alimentação oferecida quanto no controle da qualidade da água. Os estabelecimentos aprovados receberão um selo que servirá de referência aos turistas e estará disponível também em inglês. Workshops com responsáveis pelo setor estão previstos para as próximas semanas.     
Cerca de 200 mil cartilhas serão distribuídas durante os jogos. O material trará informações aos turistas em três idiomas – português, inglês e espanhol – sobre os endereços das unidades de saúde e suas especialidades, além de precauções sanitárias.        
Quanto às demais iniciativas de promoção e prevenção, estão previstas ações de intenso monitoramento da qualidade dos alimentos, medicamentos e cosméticos do DF pela Subsecretaria de Vigilância a Saúde (SVS). Também farão parte da programação, inspeções em shoppings, praças de alimentação, cinemas e teatros, além de ações de vigilância das doenças diarréicas agudas e de transmissão hídrica e alimentar (DTHA).          
Farmácias – Durante o lançamento do programa, a Secretaria de Saúde e o Conselho Regional de Farmácias (CRF) assinaram um termo de cooperação técnica para capacitar 1,5 mil farmacêuticos e 3 mil auxiliares que também atenderão turistas durante as competições. Serão oferecidos cursos de 200 horas em inglês e espanhol, além de aulas de reforço em assistência farmacêutica. A previsão inicial é que as qualificações comecem em abril deste ano.

Mais detalhes

domingo, 27 de janeiro de 2013

NOTA DE PESAR DO GOVERNADOR AGNELO QUEIROZ



Editar
Em pesar pela tragédia ocorrida em Santa Maria (RS), o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, consternado, determinou o adiamento do evento, do qual seria o anfitrião e que se realizaria nesta segunda-feira (28), no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha. A cerimônia, que marcaria a contagem regressiva para os 500 dias da Copa do Mundo da FIFA 2014, era uma parceria entre o GDF, o Ministério do Esporte, a FIFA e o Comitê Organizador Local (COL).
 O governador lamentou o ocorrido no Rio Grande do Sul. "Este domingo é um dia de grande tristeza para mim e para todo o povo do Distrito Federal. Em nome dos brasilienses e dos demais brasileiros que moram na nossa capital, quero me solidarizar com os pais, mães, irmãos, familiares e amigos das vítimas dessa terrível tragédia em Santa Maria (RS) e com todos os gaúchos", afirmou

sábado, 26 de janeiro de 2013

Preconceito marca a vida de portadores de Hanseníase

No Dia Nacional de Combate a Hanseníase entenda como se desenvolve esta doença e como tratá-la


No dia 27 de janeiro é comemorado o Dia Nacional de Combate e Prevenção da Hanseníase. A doença infectocontagiosa é causada pela bactéria Mycobacterium leprae e pode causar a incapacidade física dos portadores. Segundo a Secretaria de Vigilância do Ministério da Saúde, cerca de 40 mil novos casos da doença foram registrados no Brasil, em 2011. O número é 3% inferior aos casos detectados no ano anterior. No Distrito Federal, foram catalogados 189 novos casos, 165% a menos que o estado vizinho, Goiás.

Carregada de preconceito e estereótipos durante muitos anos, a Hanseníase era identificada como Lepra (Lepros, palavra grega que significa manchas na pele). “O contágio não é tão fácil como acreditam as pessoas. A doença não é transmitida apenas com um aperto de mão, por exemplo”, afirma a dermatologista do Hospital Santa Luzia, Dra. Ranaia Santana Pupsukawa. “A transmissão da bactéria é através de um contato íntimo e prolongado com o infectado. Familiares que moram na mesma casa, namorados e relacionamentos muito íntimos são mais propensos à transmissão”, relata.

A doença é classificada pela forma de apresentação dos sintomas, podendo ser hanseníase tuberculoide e a virchowiana. As primeiras manifestações são a presença de manchas na pele de cor parda ou esbranquiçada, acompanhadas de perda de pelos na região, perda da sensibilidade térmica e ausência de transpiração. “Na forma tuberculoide as bactérias afetam os nervos com mais intensidade, principalmente os das mãos, podendo atrofia-las e transformá-las em forma de garra”, relata a dermatologista. “A forma virchowiana ataca de maneira mais agressiva o corpo do paciente, devido à quantidade de bacilos que estão no organismo”, comenta. O paciente com a hanseníase virchowiana tem lesões além das manchas pela pele, como queda da sobrancelha, nódulos na orelha e inchaço no rosto, podendo ficar deformado.

O diagnóstico é clínico e baseado nos sintomas percebidos no paciente. “A demora do diagnóstico e tratamento pode acarretar danos mais graves”, relata a especialista. O tratamento é realizado através de medicação e acompanhamento de um dermatologista, com frequência variando entre 6 meses à 1 ano, de acordo com a gravidade da doença e sua classificação. “As bactérias podem disseminar pelo corpo, o que gera maiores danos às outras regiões”, comenta. Por provocar mutilações e deformidades, quanto mais cedo for diagnosticado menor são os riscos de se agravar os sintomas.

Mocidade do Gama ilumina a avenida


  Lúria Rezende, da Agência Brasília

Mocidade do Gama ilumina a avenida

Foto: Mary Leal
A energia em todas as formas inspira o samba enredo da agremiação, que vai gerar mais de 200 empregos diretos e indiretos na cidade. A  associação é a segunda apresentada na série Carnaval 2013, sobre as escolas de samba do DF
Enaltecer a própria cidade sempre foi a principal meta da Associação Desportiva e Cultural Mocidade do Gama. Como toda a produção de fantasias é feita na cidade, a escola de samba gera cerca de 200 empregos diretos e indiretos. Em 2013, a Mocidade entra na avenida com o tema Energias iluminam o Gama no Carnaval, sob orientação do carnavalesco George Pedro. A agremiação existe desde 1985 e se orgulha de sempre ter ocupado as primeiras quatro colocações nos desfiles de carnaval.
 
No momento em que a escola cruzar a Passarela da Alegria, na terça-feira (12), pelo grupo especial, o verde e o branco da bandeira da cidade do Gama serão rodeados pelo dourado que representa a energia. A diretora de carnaval da Mocidade, Edilamar Melo de Oliveira, explica que o desfile abordará diversas fontes energéticas. "Começaremos pela explosão do Big Bang, passaremos pela força das religiões e do Zodíaco e seguiremos desfiando outras formas", antecipa.
 
A mocidade não está apenas no nome da agremiação, que entrará na avenida com mil participantes, quatro carros alegóricos e 10 alas de enredo. "Um dos nossos maiores objetivos é trazer o jovem para dentro da escola", acrescenta Edilamar. Na Mocidade do Gama, os jovens ocupam cargos na diretoria e outras posições de destaque como a de Eduardo Júnior, mestre da bateria.
 
Barracão – A falta de um espaço próprio para confecção de fantasias, ensaios e reuniões é uma das principais reclamações da diretoria da Mocidade do Gama e uma das grandes dificuldades enfrentadas pela associação. "Essa é uma das nossas maiores reivindicações. Hoje, alugamos espaços para fazer os ensaios", conta Edilamar.
 
Segundo a diretora, esses problemas não tiram a garra e a vontade de fazer uma competição saudável no carnaval. "As pessoas estão muito animadas e queremos quebrar o jejum sem vitórias, além de mostrar um trabalho de qualidade", finaliza.

Operação Volta às Aulas começa nesta segunda


  Leandro Cipriano, da Agência Brasília

Operação Volta às Aulas começa nesta segundaFoto: Mary Leal
Cerca de 350 policiais e 20 viaturas vão fazer patrulhamento nas proximidades de escolas particulares, nas áreas das 912 e 612 Sul, no Plano Piloto, e no Pistão Sul, em Taguatinga

A partir desta segunda-feira (28), o ano letivo começa em diversas escolas particulares do Distrito Federal. O retorno dos estudantes será monitorado pela Operação Volta às Aulas, do Batalhão Escolar da Polícia Militar do DF. Cerca de 350 policiais e 20 viaturas vão fazer o patrulhamento em unidades de ensino das 912 e 612 Sul, no Plano Piloto, e no Pistão Sul, em Taguatinga. Com o início das aulas na rede pública de ensino em 14 de fevereiro, a previsão é aumentar o efetivo para 550 policiais e 30 viaturas para atuar no perímetro de 1,1 mil unidades de ensino públicas e particulares.
 
A primeira fase da operação, que começa a partir das 7h, segue até o dia 28 de fevereiro. Além do policiamento, serão distribuídas cartilhas com dicas de segurança no trânsito, e orientações sobre o comportamento de pais e alunos na entrada e na saída das escolas. "O objetivo dessa operação é patrulhar os perímetros escolares, evitar retenção e prejuízos na fluidez do trânsito e garantir a segurança dos alunos nessa época", afirmou o comandante em exercício do Batalhão Escolar do DF, major Valtêncio Antônio de Oliveira.
 
Ainda segundo o comandante, na primeira semana não é esperado um aumento excessivo de veículos em frente às unidades de ensino. Como as instituições particulares possuem calendários diferentes, a maior fluidez no trânsito da capital deve ocorrer a partir do dia 14 de fevereiro, quando as escolas públicas também voltarem às aulas. Como isso ocorrerá na semana pós-carnaval, a expectativa é que a movimentação total de veículos comece, de fato, em 18 de fevereiro.
 
"Nesse primeiro momento, o impacto não será tão grande, mas estaremos presentes na fiscalização. Ao longo das próximas semanas, mais escolas vão retornar às aulas, o que deve aumentar entre 10% a 15% o fluxo de veículos", informou o comandante em exercício do Batalhão Escolar.
 
A operação promove, ainda, outras iniciativas, como palestras sobre bullying, pedofilia, cyber bullying e prevenção ao uso de drogas, entre outros temas. O Centro de Polícia Comunitária e Direitos Humanos (CPCDH) orienta sobre a travessia de pedestres de forma segura, e o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) faz o alerta em relação às drogas.
 
Reforço – Para reforçar o patrulhamento nas escolas, o Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran) também vai atuar nas unidades de ensino junto ao Batalhão Escolar da PM. Serão, inicialmente, entre 15 e 20 policiais em cerca de 10 carros e motos.
 
Na primeira semana, o patrulhamento do BPTran será realizado nas asas Sul e Norte, das 6h30 às 8h, e de meio-dia às 15h30. "Essas costumam ser as áreas com maior concentração de pessoas e veículos. Alternaremos turnos com o Batalhão Escolar, para cada um atuar nos períodos de entrada e saída dos alunos", explicou o comandante-geral do BPTran, tenente-coronel Anderson Carlos de Castro Moura.
 
Serviços
Telefones de emergência do Batalhão Escolar
Para oficial de serviço 24h: 99688950
Sede do Batalhão Escolar: 39101669

SLU promove abertura de envelopes para duas licitações


Empresas que pretendem realizar a Coleta Seletiva no DF e a construção do novo Aterro Sanitário participam

O GDF manteve o compromisso, firmado pelo governador Agnelo Queiroz, de licitar o Novo Sistema de Coleta Seletiva antes do prazo estipulado pela Lei Nacional de Resíduos Sólidos (12.305/10). Segunda a Lei, o GDF teria que implantar a Coleta Seletiva até o fim de 2014, mas o governo se antecipou para inserir a mesma até abril deste ano.
Nesta segunda-feira (28), vai ser dado prosseguimento à abertura dos envelopes com a proposta das empresas interessadas em realizar a coleta seletiva em todo Distrito Federal. Já na quarta-feira (30), estarão presentes as empresas que anseiam participar da construção do Novo Aterro Controlado oOste.
No Distrito Federal, hoje, 3% de todo o lixo coletado é reciclado. Para mudar essa realidade, o edital lançado divide todo o DF em quatro grandes lotes, conforme a capacidade de geração de lixo seco (reciclável) em cada ponto. Assim, a coleta seletiva atenderá toda região, em vez de apenas alguns pontos, como ocorre atualmente.

Abertura dos envelopes para Coleta Seletiva
Data: 28-01
Horário: 9h30
Local: Auditório do Núcleo Sul do SLU (DL Sul, Avenida das Nações, próximo à Caesb).
Abertura dos envelopes para construção do novo Aterro Sanitário
Data: 30-01
Horário: 9h30
Local: Auditório do Núcleo Sul do SLU (DL Sul, Avenida das Nações, próximo à Caesb).

CEB – Redução da tarifa no DF



A partir deste sábado (26/1), os moradores do DF já começam a receber a fatura de energia com redução da tarifa em 18,11% para consumidores residenciais e comerciais e de até 32% para industriais. Apenas a energia consumida a partir do dia 24 de janeiro, data que passou a vigorar o desconto, terá o ajuste. Portanto, o desconto integral chegará ao consumidor na fatura a ser paga no mês de março.
Exemplos: As unidades consumidoras medidas no dia 26 de janeiro pagarão o consumo proporcional a três dias pela nova tarifa. A tarifa antiga permanece para os dias anteriores ao dia 24 de janeiro. Quem tiver a aferição realizada no dia 5 de fevereiro pagará o proporcional a treze dias com os novos valores, o restante com a tarifa antiga. E assim por diante, até que se inicie o novo ciclo de leituras quando os consumidores receberão a conta de energia com a tarifa reduzida de forma integral.
 
Mais Informações:
CEB DISTRIBUIÇÃO
COE - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL
TELEFONE: 61 3465 9004

Brasília no caminho do crescimento


O Distrito Federal registrou crescimento de 3% no terceiro trimestre de 2012 em relação ao ano de 2011. O acumulado de janeiro a setembro foi de 2,9%, segundo dados do Índice de Desempenho Econômico do Distrito Federal, divulgados nesta sexta-feira 25 pela Companhia de Planejamento.
O resultado positivo, segundo a Codeplan, mostra que a capital do país tem desempenho acima da medida nacional, que cresceu apenas 0,9% no mesmo período.  Para o economista Newton Marques, professor da Universidade de Brasília, os números colocam Brasília em uma posição “privilegiada”, já que o resultado está “bem acima” do registrado no resto do país.
Segundo Marques, que também é integrante da presidência da Codeplan, a pesquisa foi pensada justamente para fazer um acompanhamento mais “real” e “próximo” do crescimento da cidade, sem esperar pelo levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulga o PIB apenas três anos depois que as informações foram colhidas.
 “Não há dúvida de que Brasília ocupa uma posição privilegiada em relação ao resto do país. Mas é preciso analisar a forte presença dos serviços e também da Administração Pública. O governo movimenta a economia, gerando empregos, fazendo obras, contratando empresas”, explicou o professor da UnB ao Brasil 247.
O setor de serviços, que responde por mais de 90% de toda a atividade econômica do DF, cresceu 3,2% entre os meses de julho e setembro do ano passado. A Adminsitração Pública contribuiu com 2,5% de crescimento.
Newton Marques destaca ainda que o crescimento da renda e a queda na taxa de juros impulsionaram o consumo. “O destaque fica para o comércio, que registrou crescimento de 8,6%, com as vendas impulsionadas pela redução no IPI [Imposto Sobre Produto Industrializado] para carros zero quilômetro e eletrodomésticos da linha branca”, detalhou à reportagem.
Mau desempenho
Já a agropecuária, que teve um desempenho surpreendente no início de 2012, com crescimento de 5%, apresentou queda no terceiro trimestre, com resultado negativo: -22,8%. Segundo a Codeplan, o número negativo é resultado da redução da área plantada, reduzindo assim a produção total de produtos como tomate, feijão e soja.
2013
Diferente do que é esperado para o resto do país, o economista Newton Marques está otimista com o desempenho da capital do país em 2013. Para ele, se o setor público continuar com o nível de investimentos, fazendo obras e contratando pessoas, o DF “não vai ter um pibinho”, e sim um crescimento novamente acima da média nacional.
 Juliane Sacerdote_Brasília 247

Trânsito na Estrutural terá mudanças a partir de segunda-feira


Foto: Lula Lopes
O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) iniciará, a partir desta segunda-feira (28), uma fase de testes no tráfego da via Estrutural pela manhã, quando o fluxo de veículos nas duas pistas está no sentido Taguatinga/ Brasília. A via sofrerá alteração no percurso norte-sul, com o objetivo de organizar o trânsito nos períodos de pico. O horário permanecerá o mesmo da inversão de fluxo atual, das 5h45 às 9 h. As alterações serão sinalizadas com cones.
 Os motoristas que vêm pela pista norte não mais precisarão utilizar o viaduto Ayrton Senna para cruzar a Estrada Parque Indústria e Abastecimento (Epia). Os condutores prosseguirão na via marginal, que passa em frente ao Shopping Popular e à antiga Rodoferroviária, e pegarão o viaduto para chegar ao Eixo Monumental. Já os motoristas que trafegam pela pista sul da Estrutural seguem normalmente pelo viaduto Ayrton Senna.
 "Estamos tentando eliminar o gargalo no viaduto Ayrton Senna. Com os testes, a retenção nesse ponto vai ser eliminada. Não será preciso ter o policial no cruzamento e o trânsito vai fluir para quem vem da Estrutural sentido Plano Piloto", afirmou o diretor-geral do DER, Fauzi Nacfur.
 Atualmente, quem trafega pela pista norte da Estrutural utiliza o viaduto Ayrton Senna para cruzar a Epia. Já os veículos que vêm pela pista sul pegam desvio por baixo do viaduto, e recebem auxílio policial para atravessar o cruzamento da Epia.
 Os condutores que desejarem ter acesso à Epia precisarão utilizar a pista sul da Estrutural, pois somente ela dará acesso a essa via. Toda a operação será realizada com o apoio de agentes do DER, Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran) e Departamento de Trânsito do DF (Detran).

Presidenta Dilma anunciará investimentos em reunião com prefeitos de todo Brasil


Presidenta Dilma anunciará investimentos em reunião com prefeitos de todo Brasil

A presidente Dilma Rousseff deverá anunciar pacotes de investimentos nas áreas de saneamento básico e elaboração de projetos, antecipou o líder do PT na Câmara, deputado José Guimarães (CE). O anúncio será feito no próximo dia 28 de janeiro, quando Dilma se reúne com prefeitos de todo Brasil.
A estimativa é que cerca de 20 mil pessoas participem do evento. Na abertura do encontro, além de fazer alguns anúncios, a presidenta defenderá, mais uma vez, a destinação dos recursos dos royalties do petróleo para a educação. Dilma diz que a educação é o bem mais importante que o país pode ter, e o principal para levá-lo a um patamar superior de desenvolvimento.
No primeiro dia, ainda serão destacadas as políticas para mulheres, o Plano Brasil Maior e o desenvolvimento local. No segundo, o Brasil Sem Miséria, a segunda edição do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e ações dos ministérios da Educação e da Saúde. No último dia do encontro, serão aprofundados os programas de prevenção a desastres naturais e de desenvolvimento rural sustentável.
 “Os prefeitos sofrem muito e dependem de recursos federais para promoverem o desenvolvimento sustentável. Este anúncio será um momento político muito forte e o PT dará todo o apoio à presidente Dilma”, analisou o líder do PT. Segundo informou, prefeitos petistas de todo País também se reunião no mesmo período em Brasília, quando assistirão palestras do presidente nacional do PT, Rui Falcão, e da ministra da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, quando debatem a relação dos gestores municipais com a executiva nacional do partido e a questão federativa.
Além de palestras e debates, o evento promovido pela Presidência da República contará com estandes de 26 ministérios e órgãos federais à disposição dos gestores municipais. A ideia, segundo Ideli, é que cada prefeito possa obter um diagnóstico dos programas federais e oportunidades de parcerias em sua cidade. Além do corpo técnico dos ministérios, os ministros também farão atendimento personalizado durante o encontro.
Site do deputado José Guimarães com Agência Brasil

Evento em Brasília marca os 500 dias para a Copa do Mundo da FIFA 2014

Evento em Brasília marca os 500 dias para a Copa do Mundo da FIFA 2014
Editar
Foto: Mary Leal
Cerimônia contará com a participação de operários, autoridades e estrelas do futebol
Brasília será o palco da cerimônia que marcará a contagem regressiva dos 500 dias para o início da Copa do Mundo da FIFA 2014. O evento, que será realizado na próxima segunda-feira (28), na área externa do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, é uma parceria entre Governo do Distrito Federal (GDF), Presidência da República, Ministério do Esporte, FIFA e Comitê Organizador Local (COL). Na ocasião, a FIFA e o COL lançarão o pôster oficial da Copa do Mundo da FIFA 2014.
 O governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, o Ministro do Esporte, Aldo Rebelo, o secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke, e o presidente do COL, José Maria Marin, serão os anfitriões da festa, que terá também as presenças dos ex-jogadores e membros do Comitê Organizador Local, Ronaldo e Bebeto.
Cerca de 50 operários da obra do estádio participarão da cerimônia. O grupo brasiliense de percussão Patubatê – que gravou o DVD Ruído Sonoro no canteiro de obras da arena em 2012 – fará a abertura do evento.
 O Estádio Nacional sediará o jogo inaugural da Copa das Confederações da FIFA 2013, em 15 de junho, com partida entre Brasil e Japão, às 16h. A Ecoarena terá, ainda, o número máximo de jogos da Copa do Mundo da FIFA 2014, sete ao todo. Para o GDF, a oportunidade única de realizar os eventos internacionais serve como potencializador de investimentos que deixarão como grande legado a geração de emprego e renda e melhoria na qualidade de vida da população.
Obras – A construção do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha segue em ritmo acelerado: 87% de sua execução foi finalizada. Entre as áreas que já estão prontas, vale ressaltar a conclusão das arquibancadas inferior, superior e intermediária; os 288 pilares, com mais de 36m de altura livre e que rodeiam a arena formando a área de acesso; o anel de compressão, além da primeira etapa da cobertura.
"É uma honra sediar esse evento. Brasília é a capital da República. Todos os estados estão representados aqui. Nossa arena, que será palco da abertura da Copa das Confederações daqui a poucos meses, representa o esforço conjunto do país na preparação desses grandes torneios. Vamos mostrar a capacidade dos brasileiros em ser exemplo na realização de grandes espetáculos", afirmou o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz.

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Transporte terá programação especial no carnaval



Editar
Horários de ônibus e trens serão ampliados para atender os foliões durante os quatro dias de festividades
O GDF, por meio do Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans) e da Companhia do Metropolitano do DF (Metrô), vai ampliar os horários de funcionamento dos ônibus e trens entre os dias 9 e 12 de fevereiro. A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) estima que de 80 mil a 100 mil foliões participarão das festividades este ano.
 O DFTrans divulgará hoje (24), à tarde, a programação especial dos ônibus nos quatro dias de carnaval. Linhas em funcionamento, horários estendidos e quantidade de veículos disponíveis serão definidos na operação. "É importante destacar que não vai faltar transporte para os foliões", afirmou o diretor técnico do DFTrans, Lúcio Lima.
 Já o Metrô-DF, em reunião ontem (23) com a Secretaria de Cultura do DF, responsável por organizar os espaços para as festas, definiu a ampliação do horário dos trens. O cronograma vai começar às 5h da sexta-feira (8) e será estendido até 2h da Quarta-feira de Cinzas. O esquema será semelhante ao utilizado no réveillon na Esplanada dos Ministérios.
Agencia Brasilia e www.daquijornaldf.com.br 

Mais infraestrutura na Emergência do Hospital de Base


  Ailane Silva, da Agência Brasília


Mais infraestrutura na Emergência do Hospital de BaseFoto: Roberto Barroso
A recepção está completamente reformada, e a unidade ganhou oito leitos de cuidados intermediários, além de sistema de segurança e novos equipamentos para classificação de risco de pacientes. O investimento é de R$ 7,1 milhões



As mudanças no setor de Emergência do Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF) podem ser percebidas logo na entrada. A recepção foi completamente reformada, e a unidade ganhou oito leitos de cuidados intermediários, além de sistema de segurança e novos equipamentos para classificação de risco de pacientes. O governador Agnelo Queiroz e o secretário de Saúde, Rafael Barbosa, visitaram o hospital, nesta quinta-feira (24), para conferir a nova infraestrutura.

"Nós estamos entregando aqui oito leitos de unidade de internação semi-intensiva, que darão suporte à emergência. Também fizemos toda essa reforma na recepção para humanizar o atendimento e dar melhores condições ao profissional e, sobretudo, ao paciente. O nosso grande objetivo é prestar assistência de qualidade, e já alcançamos um padrão de altíssimo nível. Estamos, a cada dia, melhorando mais a nossa saúde pública, em especial o atendimento de emergência", afirmou o governador.

"Todas essas ações fazem parte do nosso plano de reestruturação da Saúde, que ficou sucateada por anos", completou Rafael Barbosa, ao informar que a unidade receberá mais investimentos para se tornar referência no Centro- Oeste.

Infraestrutura - As melhorias, no valor de R$ 7,1 milhões, começam na entrada do Pronto-Socorro, por onde passam diariamente 600 pessoas. As portas de ferro foram trocadas por outras de vidro temperado, e o acesso passou a ser controlado por catracas para impedir a entrada de pessoas estranhas ao ambiente hospitalar.

Além disso, 12 câmeras de vigilância fazem o monitoramento no local para garantir mais segurança. As imagens são transmitidas, durante 24 horas, para quatro monitores instalados no gabinete do governador, de onde ele supervisiona e avalia o atendimento à população no maior hospital público do DF. A medida permite intervenções e tomadas de decisão mediatas.

Já os oito novos leitos são separados por cortinas, o que aumenta a privacidade dos pacientes. Essa divisão faz parte da política de humanização hospitalar instituída há dois anos no hospital. "Os novos leitos também possuem o equipamento monitor, que permite a verificação 24 horas de batimentos cardíacos, saturação de oxigênio, temperatura e pressão arterial", explicou a diretora do Hospital, Janaína Miranda.

Atendimento eficiente – O paciente Temistocles Costa, 67 anos, morador de Água Lindas (GO), aprovou as mudanças. "Utilizo os serviços do Hospital de Base com frequência, pois tenho problemas cardíacos. Acredito que essas inovações vão tornar o atendimento mais rápido e melhor", avaliou.

Ao chegar ao hospital, após passar pelo registro, o paciente será encaminhado à Sala Modelo. O local recebeu equipamento moderno que reduzirá o tempo médio de classificação de risco de morte e complicações ao paciente, de 12 minutos para até um minuto e meio.

O equipamento possui sensores capazes de medir automaticamente sinais vitais como pressão, glicemia e temperatura corporal. Após o processamento dos dados, o paciente será incluído em uma das cinco categorias, divididas por cores, que especificam a urgência do caso.

O método, intitulado Protocolo de Classificação de Manchester, era usado de forma manual desde agosto no hospital. Quando o resultado mostra a cor vermelha, o atendimento deve ser imediato. Para o laranja, recomenda-se espera de até 10 minutos; amarelo, até 60 minutos; verde, até 120 minutos; e azul, até 240 minutos. Com a ação, os pacientes em estado mais grave têm atendimento prioritário.

De acordo com a coordenadora de Humanização da Secretaria de Estado de Saúde, a meta é que, até o primeiro semestre de 2013, 70% dos hospitais e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) do DF tenham recebido o novo equipamento.

Aprimoramento – Para aprimorar ainda mais o processo de atendimento na porta de entrada do hospital e ordenar o fluxo de pacientes na emergência, equipes de enfermeiros do HBDF foram capacitadas pelo Grupo Brasileiro de Classificação de Risco segundo o Protocolo de Classificação de Manchester.

 

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

DF vai aderir ao Sistema Nacional de Cultura


    Gabriel Palma
Repórter da Agência Brasil
Brasília – A ministra da Cultura, Marta Suplicy, anunciou que o Distrito Federal vai integrar o Sistema Nacional de Cultura (SNC). O sistema permite que o governo federal envie dinheiro aos estados, municípios e o Distrito Federal para incentivar atividades culturais.
“Temos instituído uma organicidade na cultura como nós temos, por exemplo, no Sistema Único de Saúde (SUS). Hoje não temos como repassar [a verba]”, disse a ministra. Para que o estado ou município consiga receber o dinheiro, é obrigado a aderir ao SNC e promover ações de cultura, como o Conselho de Cultura. “Precisamos saber onde está indo aquele recurso”, disse a ministra.
Ela deu entrevista hoje (17) no programa de rádio Bom Dia Ministro, produzido pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, em parceria com a EBC, Empresa Brasil de Comunicação. Disse estar empenhada em ampliar o sistema. No final do mês, o ministério vai receber grupos de prefeitos para explicar as condições para entrar no SNC.
A ministra falou também sobre o Vale-Cultura e a Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro. Marta Suplicy disse que, dos R$ 70 milhões destinados à Biblioteca Nacional, R$ 30 milhões são destinados à construção de uma nova biblioteca no Porto Maravilha, no Rio.

Edição Beto Coura

Hepatite A tem maior incidência no verão

Aproximadamente 200 casos de Hepatite A foram diagnosticados, em 2012, no Distrito Federal. No Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde, Brasília ficou em 9º lugar no ranking de incidência da doença nas capitais do Brasil. Alerta a estes números, o infectologista Jaime Rocha, do laboratório Exame, lembra que o verão costuma ser a estação de maior contágio da Hepatite A e que a vacinação é ainda mais indicada neste período do ano.
Segundo o médico, a doença é contraída por infecção fecal-oral, principalmente decorrente de alimentos mal lavados e água contaminada. “Sabemos que no litoral nem sempre contamos com as condições de higiene ideais. É aí que a incidência do vírus cresce”, explica. A Hepatite A costuma ser um pouco mais leve nas crianças e mais grave nos adultos, podendo até levar a óbito. O quadro típico apresenta náusea e vômito, mal-estar, febre, perda de apetite, fezes mais claras e um amarelão no corpo e nos olhos. Já a Hepatite B é transmissível pelo sangue ou sexualmente. Os incidentes costumam crescer, principalmente, no período do Carnaval.
O infectologista recomenda que os veranistas tomem a vacina no mínimo duas semanas antes de ir para a praia. Existem três opções. A primeira é a vacina apenas para a Hepatite A, com duas doses, intercaladas num período de seis meses a um ano. Com a segunda dose, a pessoa adquire a imunidade definitiva.
A segunda opção é a vacina somente para a Hepatite B. São aplicadas três doses, com intervalo de um mês e seis meses. Para as crianças, esta vacina faz parte do calendário do governo. Já a terceira é a vacina que contempla a Hepatite A e B conjuntamente. São recomendadas três doses, no mesmo intervalo da vacina contra hepatite B. As vacinas são intramusculares e podem ser aplicadas no braço, nádegas ou coxa.

Sobre o Exame Laboratório e Imagem
O Exame nasceu há 38 anos em Brasília e atualmente possui mais de 300 colaboradores e 33  unidades de atendimento no Distrito Federal e Entorno. Considerado pioneiro no segmento de exames por análises clínicas, o laboratório disponibiliza a seus clientes serviços e soluções inovadoras, oferecendo qualidade, confiança, credibilidade, conveniência e tecnologia de ponta, comprovada pelo Programa de Acreditação de Laboratórios Clínicos (PALC), o ISO 9001 e a Proficiência em Ensaios Laboratoriais (PELM). Além disso, por meio do programa Exame Melhor Idade, o laboratório oferece aos idosos medicina diagnóstica com qualidade e preços diferenciados. Pensando nas crianças, o Exame possui um espaço preparado especialmente para atendê-las. A marca conta, ainda, com o serviço de vacinas e uma unidade 24 horas, localizada na 716 Sul, que disponibiliza mais de três mil exames de análises clínicas e anatomia patológica. Para mais informações acesse o sitewww.laboratorioexame.com.br ou entre em contato com o Atendimento ao Cliente no (61) 4004-3883.


Vacinação contra HPV nas escolas


DF é pioneiro nesse tipo de ação preventiva. As doses vão atender cerca de 64 mil adolescentes, entre 11 e 13 anos, matriculadas nas redes pública e privada de ensino

 Cerca de 64 mil meninas, entre 11 e 13 anos, das redes pública e privada de ensino no Distrito Federal começam a receber vacinas contra o papilomavírus humano (HPV) – associado à ocorrência de câncer de colo do útero. Para tanto serão adquiridas aproximadamente 193 mil doses, um investimento estimado em R$ 18,77 milhões. A abertura das propostas concorrentes no pregão eletrônico para a venda das vacinas à Secretaria de Saúde do DF está marcada para esta terça-feira (22).

O objetivo é reforçar o combate ao câncer de colo do útero e outros problemas causados pelo HPV, como verrugas ou lesões na pele e nas mucosas. A imunização será feita em três doses. A primeira está prevista para março deste ano. Os professores das escolas serão treinados para dar informações sobre o vírus e a importância da vacina. Os pais receberão um termo de autorização, que deverá ser assinado. Em seguida, as equipes de vacinação irão até as unidades de ensino em datas previamente agendadas.

De acordo com o secretário em exercício de Saúde, Elias Fernando Miziara, o Distrito Federal é pioneiro na ação. “Há iniciativas em pequenas prefeituras, mas somos o primeiro governo entre os estados a oferecer a vacina”, destacou.

Segundo ele, a medida se soma a outras do GDF, como as campanhas educativas contra as doenças sexualmente transmissíveis e a realização de exames preventivos (Papanicolau) na rede pública de saúde. Outra ação é o atendimento itinerante do Caminhão da Mulher, que já realizou mais de 8 mil exames desde que foi lançado em março de 2012.

Prevenção – Os atendimentos realizados nos ambulatórios de Saúde do Adolescente indicam que grande parte da população do DF inicia a atividade sexual, em média, aos 15 anos. A estratégia de vacinação de meninas entre 11 e 13 anos vai evitar a transmissão do HPV nessa faixa etária. Segundo o secretário em exercício de Saúde, a partir de 2014 a imunização será feita apenas em meninas com 11 anos.

A meta da iniciativa é reduzir o índice de mortes por câncer de colo do útero no DF, que é de 90 óbitos por ano, conforme dados da Secretaria de Saúde. “Aproximadamente 4 mil mulheres apresentam lesões decorrentes do HPV, apenas no colo do útero. A meta é evitar as doenças”, afirmou Elias Fernando Miziara.

Serviço:
Exame preventivo (Papanicolau)
Nos hospitais e centros de saúde do DF. Confira a lista de unidades por regional, no endereço eletrônico http://www.saude.df.gov.br/sobre-a-secretaria/hospitais-e-regionais.html


Mais detalhes

Governador empossa novo presidente do BRB



Nova gestão quer ampliar número de clientes e participação na economia local com linhas de crédito maiores e taxas de juros competitivas

 O governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, deu posse, nesta segunda-feira (21), ao novo presidente do Banco de Brasília (BRB), Paulo Roberto Evangelista de Lima, em cerimônia no auditório Parlamundi da Legião da Boa Vontade (LBV). Servidor de carreira do Banco do Brasil, ele assume o cargo com a missão de acelerar e modernizar o atendimento aos clientes. Com foco no crescimento econômico do DF, o novo presidente anunciou a abertura de crédito de R$ 1,6 bilhão para diversas áreas.

“Acreditamos que a posse do presidente Paulo Evangelista representará um importante salto para o BRB no cenário econômico atual, com a oferta de mais linhas de crédito para microempresas, para a produção agrícola e para pessoas jurídicas, além de financiamento de imóveis”, destacou o governador Agnelo Queiroz.

Durante a solenidade de posse, Paulo Evangelista afirmou que trabalhará junto aos demais órgãos do GDF pelo desenvolvimento do Distrito Federal e anunciou a abertura de crédito de aproximadamente R$ 1,6 bilhão. Os recursos serão destinados a investimentos em tecnologia e modernização das agências e beneficiarão tanto a área empresarial (pessoa jurídica) como os setores imobiliário, rural, industrial.

“Queremos fazer uma gestão com foco nos atuais e novos clientes, com ética e diversidade de crédito. Precisamos proporcionar resultados voltados para a cidade e empreendedorismo, com melhorias no atendimento e taxas de juros mais competitivas que as praticadas pelo mercado”, afirmou o presidente.
Ele também pretende aumentar a participação da instituição na economia local. A intenção é que o BRB ocupe o posto de banco público mais importante do Centro-Oeste e expanda seus negócios para os demais estados, com maior volume de crédito regional.

O governador Agnelo Queiroz ressaltou que todas essas iniciativas vão fomentar ainda mais o desenvolvimento econômico do DF, que passa por um período importante. “Os dois primeiros anos desta gestão foram marcados pela geração de mais de 100 mil postos de trabalho e também pela abertura de linhas de créditos diferenciadas para a Indústria, o Comércio e Serviços”, comemorou.

Perfil – Paulo Roberto Evangelista Lima foi aprovado em sabatina realizada pela Comissão de Economia, Orçamento e Finanças (CEOF) da Câmara Legislativa do DF (CLDF) e pelo Banco Central. Nascido em Cumari (GO), em 1957, formou-se em Administração de Empresas pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Trabalhou durante 34 anos no Banco do Brasil do Brasil, onde ocupou cargos nas áreas de negócios, controle interno, gestão de risco e em comitês estratégicos da instituição. Ele também já atuou como conselheiro fiscal da Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil, da Rio Grande Energia (RGE), da empresa de petróleo Ipiranga e das Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc).

Também participaram da cerimônia o presidente da CLDF, o deputado distrital Wasny de Roure; o vice-presidente da CLDF, deputado Agaciel Maia; o secretário de Fazenda, Adonias Santiago, e o representante do vice-governador Tadeu Filippelli, o secretário-adjunto da vice-governadoria, Carlos Antônio de Brito.

Mais detalhes

GDF nomeia 40 peritos para a Polícia Civil



Editar
Foto:Mary Leal
Com a nomeação, nesta segunda-feira (21), de 40 peritos criminais aprovados em concurso público, o GDF aumentou em 25% - de 160 para 200 - o total desses profissionais na Polícia Civil. A posse dos novos servidores está prevista para ocorrer já no início de fevereiro.
 O secretário-adjunto de Administração Pública, Jacy Braga, explica que o aumento do efetivo melhora as condições de trabalho dos policiais. "O último concurso público para esse cargo ocorreu em 2006. Há sete anos, portanto, não havia nova seleção para ocupar as vagas deixadas, em sua maioria, por motivo de aposentadoria. Com isso, as equipes ficaram sobrecarregadas", destaca.
Também para reforçar o quadro de pessoal da Polícia Civil, o GDF contratará 156 escrivães que estão concluindo as etapas previstas no concurso público. Eles devem tomar posse após a publicação do resultado final, prevista para até o fim deste primeiro semestre.
 Além disso, foi publicada, no último dia 14, autorização para abertura de concurso público para seleção de 300 agentes de polícia. O edital, com abertura de cadastro de reserva, está previsto para sair em menos de 40 dias.
Com a consolidação dessas três medidas, a reposição no quadro de pessoal da Polícia Civil totalizará 496 servidores.
 Mais cargos - O governo trabalha, agora, com a expectativa de aumentar o número de cargos no quadro de pessoal da Polícia Civil do Distrito Federal (PC/DF). "Temos um projeto de lei tramitando no Congresso Nacional para que sejam criados 3.029 cargos para diversas funções na corporação", informa o secretário-adjunto. O PL Nº 4366/2012 prevê mais 200 vagas para delegado, 199 para perito criminal, 80 para médico-legista, 2 mil para agente, 495 para escrivão e 55 para papiloscopista.