DAQUI, o Jornal do Distrito Federal

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

GDF divulga lista de projetos culturais aprovados para financiamento



  Ailane Silva, da Agência Brasília
    GDF divulga lista de projetos culturais aprovados para financiamento
Foto: Hmenon Oliveira
Secretaria de Cultura vai investir R$ 7,6 milhões em 64 propostas artísticas. Lista de nomes aprovados na primeira fase já está publicada

A Secretaria de Estado de Cultura publicou, nesta terça-feira (15), a lista dos projetos culturais habilitados na primeira etapa da seleção divulgada nos editais nº 6 e 8, que buscam apoiar a execução de produções culturais e a capacitação artística. As propostas finalistas vão receber apoio financeiro do Fundo de Apoio à Cultura (FAC) para execução dos trabalhos. Os projetos classificados seguem agora para a segunda fase, em que serão avaliados mérito cultural e capacidade de gestão. Nessa etapa, o Conselho de Cultura do DF analisará aspectos estéticos, estilísticos, criativos, bem como alcance e interesse coletivo.
 
Os dois editais autorizam investimento de R$ 7,6 milhões em 64 propostas culturais. O nº 6 destina R$ 6,7 milhões para produção de obras de artes visuais, audiovisual, literatura e música. Já o nº 8 oferece R$ 905 mil para trabalhos de qualificação de artistas do DF e realização de oficinas de arte para a população por meio da promoção de cursos. A relação com os nomes dos selecionados pode ser acessada no Diário Oficial do Distrito Federal de terça-feira (15).

"No caso do cinema, trata-se de um dos maiores investimentos do país. Vamos apoiar seis longas e 14 curtas-metragens, que podem chegar a receber R$ 900 mil e R$120 mil, respectivamente", ressalta o subsecretário de Fomento do FAC, Leonardo Hernandes. Segundo ele, a ação também é fundamental para a economia da área cultural do DF, já que gera emprego e renda.

Resultado: De acordo com a Secretaria de Cultura, 237 projetos estão inscritos, sendo 172 para o Edital nº 6 e 65 para o nº 8. Os resultados definitivos saem até o final de janeiro (nº 8) e em fevereiro (nº 6).

Nenhum comentário:

Postar um comentário