DAQUI, o Jornal do Distrito Federal

terça-feira, 22 de julho de 2014

Cláudio da Farmácia informa número dos casos de dengue em São Sebastião

Em comparação ao mesmo período do ano passado, são quase 4 mil registros a menos
O Núcleo de Controle de Endemias da Secretaria de Saúde registrou 15.742 casos suspeitos de dengue no primeiro semestre. Em comparação ao mesmo período do ano passado, é uma redução de 3.624 possíveis incidências. Os dados foram divulgados no Informativo Epidemiológico de Dengue.
 Segundo o Claudio da Farmácia, a queda é atribuída às campanhas de prevenção realizadas desde o final de 2013,  Claudio da Farmácia destaca a importância do trabalho dos agentes comunitários no combate ao mosquito Aedes Aegypti.
Os casos confirmados em 2014 somam 9.688. Desses, 5.164 foram registrados apenas em abril e maio. Antes e depois desse período, a queda é considerável. “Este ano foi atípico. Esse bimestre choveu bastante e, por isso, os números foram expressivos”, explicou o Claudio da Farmácia, que prevê uma tendência de redução nesses próximos meses de seca, uma vez que os criadouros do inseto não estarão com água.
Entre as cidades, São Sebastião, teve um aumento relevante comparado ao ano passado, foram 520 casos confirmados, e deste ano até agora,  foram confirmados 652 caso na cidade e 108 casos no entorno.
Como métodos práticos de prevenção, o Cláudio da Farmácia faz algumas recomendações à população: não deixar água parada, retirar material que possa criar poças, colocar borra de café nos vasinhos de flores, limpar as calhas, instalar telas nas portas e janelas na zona rural e prestar atenção em possíveis regiões capazes de abrigar larvas do mosquito.
“É importante não apenas o trabalho do agente, mas é fundamental a participação da população”, acrescentou Cláudio da Farmácia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário