DAQUI, o Jornal do Distrito Federal

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Alimentos de qualidade para creches, asilos e abrigos



GDF celebra primeiro contrato do Programa de Aquisição de Produtos da Agricultura do DF. Com a iniciativa, governo incentiva a agricultura familiar e fornece produtos agrícolas a instituições sociais
Mais de 21 mil pessoas de 114 entidades socioassistenciais e pelo menos 146 famílias de produtores rurais serão beneficiadas com o primeiro contrato do Programa de Aquisição de Produtos da Agricultura do Distrito Federal (Papa-DF). O documento foi assinado nesta sexta-feira (6) pelo governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, e pelos secretários de Agricultura, Lúcio Valadão, e de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda, Daniel Seidel.
Selecionada em convocação pública realizada em 22 de junho, a Cooperativa Agropecuária de São Sebastião (Copas) será responsável pelo fornecimento de leite e produtos derivados, como iogurte, bebida láctea e queijo, a creches, asilos e abrigos assistidos pela Sedest. O contrato, avaliado em R$ 4,2 milhões, vale até dezembro deste ano, mas pode ser prorrogado.
O governador Agnelo Queiroz destacou a funcionalidade do Papa-DF, que permite a compra direta de produtos da agricultura familiar pelo Governo do Distrito Federal e proporciona alimentação de qualidade a crianças, idosos e famílias atendidas por instituições sociais. “Estamos associando duas políticas importantes desse governo: melhorar nossos programas de assistência e estimular o crescimento da produção na agricultura.”
Para o secretário Daniel Seidel, a iniciativa do governo garante a quem realmente necessita alimentação saudável e diversificada. “Teremos variedade e produtos de qualidade para nossas instituições.”
Nova realidade – A solenidade foi acompanhada por representantes de quatro entidades que estão entre as contempladas no contrato e pelo produtor de leite e associado da Copas, Rivaldo José Gonçalves. Segundo a presidente da Assistência Social Casa Azul, Daise Moisés, o Papa-DF vai mudar a rotina alimentar das pessoas assistidas pela instituição. “Famílias em situação de vulnerabilidade social não têm acesso a alimentos como queijo e iogurte”, disse.
Um dos fundadores do Lar dos Velhinhos Maria Madalena, Edmilson Simões, resumiu a iniciativa do GDF em duas palavras: “Significa vida”, afirmou, sorrindo.
Estímulo – De acordo com o presidente da Copas, Luiz Torres, o incentivo vai ampliar a cooperativa. “Vamos aprimorar nossa estrutura, pagar melhor os cooperados e trazer novos associados”, comemorou. “Sem essa ajuda, pelo menos 100 produtores ficariam fora do mercado”, avaliou Torres.
“Esse programa é um apoio decisivo para o segmento da agricultura, pois favorece a geração de renda e emprego e viabiliza o acesso dos pequenos agricultores ao governo”, disse o secretário de Agricultura, Lúcio Valadão.
Papa-DF – Criado pelo Governo do Distrito Federal por meio da Lei nº 4.752/2012, o Programa de Aquisição de Produtos da Agricultura do Distrito Federal (Papa-DF) permite a aquisição direta de produtos agropecuários naturais ou processados, além de flores e artesanato produzidos por agricultores familiares e cooperativas de pequenos produtores. O objetivo é promover a geração de renda e emprego no campo
Participaram da solenidade o coordenador administrativo do Lar da Criança Padre Cícero, Paulo Pereira; o presidente da Casa de Ismael Lar da Criança, Valdemar Martins; o presidente da Emater-DF, José Guilherme Leal;  o presidente da Ceasa-DF, Wilder da Silva, além de técnicos dos dois órgãos e da Secretaria de Agricultura.

Mais detalhes

Nenhum comentário:

Postar um comentário