DAQUI, o Jornal do Distrito Federal

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Desenvolvimento social e econômico para o Entorno


No programa Conversa com o Governador desta semana, Agnelo Queiroz abordou o PAC do Entorno, que prevê investimentos nas cidades vizinhas ao Distrito Federal
 Na segunda edição de 2012 do programa de rádio Conversa com o Governador, Agnelo Queiroz abordou o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Entorno, que prevê investimentos em áreas como Transporte, Segurança Pública, Saúde e Educação para garantir desenvolvimento e qualidade de vida para as cidades vizinhas ao Distrito Federal. Fazem parte da região do Entorno 19 municípios de Goiás e três de Minas Gerais.
“O PAC do Entorno, lançado pelo governo federal, é um programa eficiente, prioritário, que nos permite investir na melhoria da condição de vida da população dos municípios vizinhos ao Distrito Federal. Estão previstas ações em Infraestrutura, Transporte, Saúde, enfim, em todas as áreas”, afirmou o governador.
Agnelo Queiroz destacou que o crescimento observado, ao longo dos últimos anos, no DF e na região do Entorno gerou problemas e novas demandas, que merecem atenção por parte das unidades da Federação que integram a região. “O Distrito Federal tem 2,5 milhões de habitantes. Somando a região do Entorno, há quase 4 milhões de pessoas morando em um espaço quase que único. Esse crescimento foi muito rápido. Para se ter uma ideia, São Paulo e Rio de Janeiro demoraram décadas para ter 2 milhões de habitantes”, observou.
Para discutir problemas e soluções para o Entorno do DF, Agnelo Queiroz tem se reunido com os governadores de Goiás e de Minas Gerais, com o governo federal e com prefeitos de cidades da região. “Os problemas são comuns e temos de enfrentá-los juntos, um a um. Temos que criar condições para dar qualidade de vida às pessoas que moram no Entorno. Estamos elaborando uma estratégia para que a região possa crescer”, informou.
Prioridades – Dentre os investimentos prioritários a serem contemplados no PAC do Entorno, o governador destacou a abertura de Unidades de Pronto Atendimento (UPA) e de escolas técnicas, além de iniciativas para reduzir e solucionar gargalos nos setores de Transporte e Segurança Pública.
“É preciso combater a violência e avançar em outras áreas: promover a geração de emprego, a transferência de renda, investir na melhoria das escolas e em programas sociais. A violência não é uma questão apenas de polícia, precisa de investimento social forte”, ressaltou o governador.
Saúde – Em relação à Saúde, além da instalação das UPAs, para os quais já foram liberados recursos por parte do governo federal, o governador citou também a relevância do programa Saúde da Família, que será ampliado na região. “Vamos melhorar a atenção primária. Nos casos mais simples, a população será atendida perto de casa. Nos casos mais graves, será encaminhada para o Distrito Federal”, explicou Agnelo Queiroz.
No setor de Transportes, o governador destacou que o GDF já assinou termo de cooperação para dar início aos estudos referentes à criação de uma linha regular de transporte ferroviário de passageiros entre Brasília e o município de Luziânia (GO). “Essa linha férrea já existe, só que hoje transporta somente carga”, informa Agnelo Queiroz.
A medida, de acordo com o governador, beneficiará aproximadamente 300 mil pessoas, além de melhorar o trânsito na região, já que permitirá a saída de circulação de cerca de 100 mil carros que se deslocam das cidades de Valparaíso de Goiás, Novo Gama, Cristalina, Cidade Ocidental e Luziânia – todas localizadas no Entorno – para o Distrito Federal.
“Em vez de ficarem quatro, cinco horas nesse deslocamento, as pessoas vão fazer o trajeto em 50 minutos, uma hora. Com isso, vão melhorar muito a qualidade de vida. Terão mais tempo para o lazer, para ficar com a família, fazer um curso, para outra atividade”, destacou Agnelo Queiroz.
Segurança Pública – Em relação à Segurança Pública, Agnelo Queiroz observou que o principal desafio na região é combater a violência e o tráfico e o uso de drogas, com destaque para o crack. “Vamos implantar medidas de combate ao uso de drogas. Também lançamos, no final do ano passado, a Campanha Nacional de Desarmamento no Entorno, porque sem desarmar fica difícil combater a criminalidade”, frisou.
Segundo Agnelo Queiroz, nas ações do PAC também estão previstos investimentos em construção e reforma de delegacias e na criação de delegacias especializadas.
Programa – Conversa com o Governador é transmitido todas as terças-feiras pela rádio Cultura FM (100,9) às 7h, com retransmissões às 9h, 12h e 18h30. Criado pela Secretaria de Comunicação Social, o programa tem duplo desafio: estreitar o diálogo com a população e prestar contas das ações adotadas pela atual gestão do GDF para melhorar a qualidade de vida e conferir excelência aos serviços públicos.
Entre os temas já abordados estão transparência, agricultura, Copa do Mundo, Copa das Confederações, transportes, saúde, segurança pública, internet banda larga, servidores públicos, valorização dos idosos, cultura, habitação, educação, cuidados com a infância, prioridades para 2012 e a implantação de parques no Distrito Federal.
Todo o conteúdo do programa está disponível para ouvir e para download na página da Agência Brasília de Notícias na internet: www.agenciabrasilia.df.gov.br/conversacomogovernador . A reprodução é livre, desde que citado o crédito dos realizadores.


-- 
Mais detalhes

Nenhum comentário:

Postar um comentário